PRIMAVERA VERÃO 2020

Minas Trend Primavera Verão 2020

01 de Abril

Literatura molda o desfile do Coletivo Alagoas no Minas Trend

Marcas alagoanas terão como inspiração o livro Vidas Secas de Graciliano Ramos      

Vestido pelas riquezas áridas do Sertão Nordestino e contando histórias de superação através da moda, o Coletivo Alagoas pretende levar suas criações para o maior salão de negócios de vestuário e acessórios da América Latina, o Minas Trend. O desfile, que acontece no dia 10 de abril no Expominas, em Belo Horizonte, foi inspirado na grande obra de Graciliano Ramos - Vidas Secas.   

Publicado em 1938, o famoso livro do escritor conta as dificuldades da vida do retirante, narrando a fuga de uma família das secas. “Ao mesmo tempo que tem essa história dramática, de sobrevivência dessa família, existe a esperança de encontrar dias melhores. É nisso que estamos nos baseando, nessa história de superação e esperança, de torcer por dias melhores. Essa é a grande mensagem do desfile”, afirma Davi Leite, responsável pelo styling do desfile.   

Na passarela, as marcas Aquas Beachwear, Alana Tenório, Caleidoscópio, Carol Paz, Estúdio Monteferro, Endy Mesquita, Leila Monteiro, Maneka, Manu Mortari e Sandra Cavalcante, sob coordenação de Mari Cezário e styling de Davi Leite, apresentarão uma cartela de cores em preto, branco, vermelho e dourado, além dos destacados bordados, patchwork, tramas, nervuras e jacquards que diferencia as roupas e acessórios, com uma parcela da confecção feita à mão e valorizando seu DNA, com personalidade autoral e contemporâneo.    

Sobre o Coletivo:
Desde sua estreia na edição de inverno 2019, quando se destacou nas passarelas do Minas Trend, o Coletivo Alagoas apresenta a cultura alagoana através de suas coleções. Associados do Sindivest (Sindicato das Indústrias do Vestuário, da Confecção de Roupas Íntimas e da Fabricação de Bijuterias e de Joalheria do Estado de Alagoas), estilistas e designers já trouxeram à semana de moda mineira as belas lagoas da terra natal e, nesta edição de primavera-verão 2020, o Coletivo tem como inspiração o livro Vidas Secas.    

Informações à imprensa:

Tampa Criativa Marcos Leão (82) 99695-9329.
atendimento@atampa.com.br assessoriamarcosleao@gmail.com                  


Conheça as marcas participantes do Coletivo Alagoas:
 


Aquas Beachwear
 - Com coleções em edição limitada, a Aquas traz a sofisticação em peças para moda praia que unem materiais que valorizam a identidade cultural das rendeiras alagoanas com tecidos de alta qualidade, caimento e bom gosto. A harmonia das matérias-primas é o ponto de partida da criação, desenvolvida por quatro mãos, mãe e filha dividem o processo criativo desde 2017.   Para o desfile na 24° edição do Minas Trend, será evidenciado a força do sertão em uma obra de grande importância para o nordeste, “Vidas Secas” de Graciliano Ramos e o recorte para a principal fonte de sustento do sertanejo, o Mandacaru, símbolo forte da cultura nordestina, enobrecido pelos frutos coloridos e flores bem vistosas e perfumadas. O Mandacaru que estará sendo representado pela nobreza de rendas, tecidos, estampas exclusivas, cores e formas, traduzidas para enaltecer e valorizar as formas da mulher brasileira. Como cartela de cor: o branco, vermelho e o dourado, trabalhados com muita sofisticação.   Instagram: @aquasbeachwear  

Alana Tenório Brand -
 Marca Alagoana apaixonada por arte, cultura e moda, que busca fazer uma conexão entre elas através de um design criativo, agregando valor e contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico. Possui como um dos pilares a busca da sustentabilidade através de suas peças e de seu trabalho feito à mão, sem perder o contexto atual das tendências da moda. Versatilidade e personalidade, fazem parte das principais caraterísticas, buscando inovar e levar produtos de qualidade para seu cliente.   Instagram: @alanatenoriobrand  

Caleidoscópio- 
Fundada em 1998, a Caleidoscópio é um atelier de joias e acessórios de moda, 
totalmente artesanais. Através do olhar de três arquitetas, Jeanine, Mailda e Renata Fontan, as peças tomam formas criativas e distintas, com um mix inusitado de materiais e texturas, resultando em um trabalho original e bem brasileiro. Ainda na faculdade, as Fontan, por brincadeira, resolveram criar seus próprios acessórios. O resultado foi um sucesso inimaginável e logo suas peças estampavam as principais revistas de moda do país e exterior.Com um trabalho autoral, a Caleidoscópio há 20 anos, divulga a cultura brasileira, fonte principal de inspiração de suas coleções.
  Suas peças são comercializadas em mais de 300 endereços no território nacional além de serem exportadas para 17 países. Cristais Swarovski, pedras brasileiras, pérolas naturais, aço, prata, ouro, madeira, contas de vidro especiais; todo esse universo se transforma nas mãos das designers. Instagram: @caleidoscopio_jewelry        

Carol Paz
 - A marca Carol Paz tem um universo único! Com uma visão contemporânea, romântica e dinâmica da vida, nossa designer mistura arte e seu DNA em cada uma das suas criações. Na hora de criar, viagens, cores, músicas , belezas naturais e principalmente as mulheres são fontes de inspiração para novas coleções .A mistura inusitada de materiais e a riqueza nos detalhes são as principais características da nossa marca.   Utilizamos em nossos acessórios, metais de alta fusão, cristais swarovski, pedras naturais e temos um design diferenciado e um acabamento de alta qualidade. No mercado há mais de dez anos e nossas peças clássicas e atemporais, estão cada vez mais, conquistando os clientes mais exigentes em todo o país.  Instagram: @carol_paz  

Estúdio Monteferro -
Comandado pela arquiteta e designer Fernanda Ferro, surgiu no início de 2017, fruto do desejo de experimentação de diferentes materiais naturais e sob uma visão estética focada na beleza da imperfeição e mutabilidade dos elementos. Pedras brutas, sementes, fragmentos marinhos, metais oxidados, todos carregam a beleza do imperfeito dentro de suas próprias perfeições. As marcas dos efeitos do tempo, os tornam elementos únicos, assim a missão do trabalho é acentuar e valorizar essas características. As peças exploram a força da beleza do bruto, do cru. O bruto é rebelde, imprevisível, dificilmente pode ser replicado e tem formas e texturas espontâneas. O processo de construção das peças é da mesma forma. “Nunca começo uma peça sabendo como ela vai terminar, é sempre um trabalho empírico, que vai tomando forma à medida que os fragmentos vão sendo manuseados. Cada amarração é feita intuitivamente, às vezes alguma coisa no meio do processo toma um rumo inesperado, um nó no metal que não saiu como planejado incialmente, as estampas orgânicas que surgem no metal através do contato com o fogo. Acredito que tudo isso faz parte da história individual de cada peça. Esse trabalho é a tradução e a concretização do meu senso estético através de materiais nos quais eu enxergo valor, beleza e significado”, disse a designer Fernanda Ferro. Instagram: @estudiomonteferro


Endy Mesquita -  A designer de acessórios Endy Mesquita, está no mercado desde 2009, seu hobby acabou crescendo e virou seu negócio. Foi a partir do gostinho de quero mais das amigas e sua grande paixão pela moda, que decidiu ampliar o seu interesse pelo mercado. Em 2012, nasceu o Ateliê Endy Mesquista. Apesar de artesanal, a marca distingue-se pela qualidade com que as peças são elaboradas, desde a escolha da matéria-prima até a produção final. O diferencial é sem dúvida, a liberdade de criação e o lançamento de novos modelos o tempo todo. De olho nas tendências da moda, amante da cor e do detalhe, a designer transmite todo seu talento através de suas peças. Hoje, além de possuir sua loja, seus acessórios estão sendo distribuídos por todo o Brasil. Instagram: @atelieendymesquita    

Leila Monteiro Brand
 - A paixão pela criação trazida da infância virou negócio em 2014, quando a fundadora da marca, Leila Monteiro, buscou aperfeiçoamento do seu trabalho no curso de design de moda. Em 2016, após novas experiências, a marca ganhou uma cara nova. De lá para cá, são lançadas várias pequenas coleções, tudo bem handmade, que contam com brincos, colares, pulseiras.   Peças versáteis para uma mulher contemporânea. A mistura de elementos é sempre muito presente, além de cores, texturas, qualidade e bastante variedade, que também não podem faltar. Instagram: @leilamonteiro.brand  

Maneka
 - A Maneka é uma empresa que atua no segmento da moda plus size há 25 anos. Buscando atender as necessidades específicas de sua clientela, valorizando suas formas e adequando-as às tendências da moda, sem abrir mão do conforto e da qualidade de suas peças. As empresárias Lara Amorim e Laís Amorim foram pioneiras na moda plus size em Alagoas e também na Bahia, onde abriram uma filial há 10 anos. Sentindo a necessidade cada vez maior de atender a estas mulheres que curtem a moda e usam um manequim acima do 44, a marca criou a sua grife que já é sucesso em todo o Brasil.   Instagram: @manekaoficial  

Manu Mortari
Nascemos em 2013 com o intuito de transmitir cor, fluidez e cheiro de maresia. Em nossas coleções, unimos tendências e tecnologias, somados aos encantos da customização e das técnicas manuais. A união do Industrial e o Artesanal, aliados à preocupação de quem e como tudo é produzido, nunca foi tão moderno e exclusivo, e queremos propagar isso cada dia mais. A mulher que usa nossa marca passa a entender que o espírito de liberdade, naturalidade, leveza e alto astral, não está associado às nossas roupas, e sim à brisa interior delas. Que esse estilo resort, pé-na-areia, boho, ecochic, vem da vibe daqueles momentos superdescontraídos e cheios de alegria de suas rotinas. Instagram: @manumortaribrand  

Sandra Cavalcante
A moda de Sandra Cavalcante vai um pouco além das cores: ela reveste a mulher de uma brasilidade singular, reforçada pela energia emanada através das mãos e do talento da alagoana, juntamente com um grupo de artesãs do Estado que colaboraram para a composição dessas peças únicas, singulares. São estolas, pelerines, vestidos, saias, bolsas e acessórios ricos em bordados e texturas que de certa forma revivem a figura de Carmen Miranda, aquela artista mítica que, apesar de ser portuguesa, ainda nos anos 40 e 50 elevou o nome do nosso país à condição de uma nação alegre, multicor, importante para o resto do mundo diante de sua riqueza cultural e diversidade da fauna e flora   Instagram: @sandracavalcante_designer

ver todas noticias