PRIMAVERA – VERÃO 2014

Analógico ou Digital?

11 de Abril

COMPRADORES INTERNACIONAIS DÃO DEPOIMENTOS SOBRE O EVENTO

Um grupo de 12 compradores internacionais estão visitando o Minas Trend desde o primeiro dia em busca de novidades. Desse total, dois vieram pelo ‘Projeto Comprador’ da ABIT – Asssociação Brasileira da Indústria Têxtil, sete através de projetos coordenados pelo Sistema FIEMG – Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais e três pela iniciativa inédita do  Instituto Brasileiro de Gemas e Metais Preciosos – IBGM, que criou um projeto específico para o setor de bijuterias.

Conversamos com alguns deles para saber sobre suas impressões da moda mineira e a visita ao evento. Pela primeira vez no Minas Trend, Natalie Lacroix veio de Paris em busca de joias e bijuterias para uma rede francesa e elogiou bastante a organização e a locação do evento. Encontrou quatro marcas com qualidade e bom preço e se encantou pelo trabalho da Mary Design. “Foi uma das minhas favoritas por conta do toque artesanal nas peças, algo diferente do que estou acostumada a ver em outros eventos”, revela.


De Nova York, a americana Sheila Gaillard veio pela segunda vez ao Brasil e adorou perceber as particularidades entre  os trabalhos feitos em diferentes estados. “Estou me sentindo mais familiarizada com as marcas daqui e notei qualidade e consistência no trabalho de muitas marcas”, conta. “Amei o desfile de Victor Dzenk e Rogério Lima. O cenário era incrível e o buffet tinha a apresentação mais linda que já vi”, diz, acrescentando que ficou surpresa com o estilo das pessoas e como a moda é desenvolvida aqui.

Pela terceira vez no Minas Trend, Hugues Renoux veio de Paris para comprar roupas e confessou ser apaixonado pela moda brasileira de forma geral. “Além de alma e identidade, há uma preocupação com o social e com a sustentabilidade. O uso de matéria prima orgânica,  mão-de-obra das comunidades carentes e gemas locais é prova disso”, diz. O francês ressaltou ainda as particularidades do trabalhomade in Minas e, ao contrário do que muita gente diz, não considera que nossa moda tenha um forte caráter artesanal. “Na verdade, percebo um estilo moderno, com códigos internacionais aqui”, revela. “Adoro descobrir novas marcas e um dos meus achados nesta edição foi Vitor Zerbinato cuja coleção combina com meu público”, afirma. Ele disse ainda que adorou conferir de perto a coleção da Jardin, que estará em  agosto em sua loja.

ver todas noticias